Inconfesso Desejo

'Queria ter coragem/ Para falar deste segredo/ Queria poder declarar ao mundo/ Este amor/ Não me falta vontade/ Não me falta desejo/ Você é minha vontade/ Meu maior desejo/ Queria poder gritar/ Esta loucura saudável/ Que é estar em teus braços/ Perdido pelos teus beijos/ Sentindo-me louco de desejo/ Queria recitar versos/ Cantar aos quatro ventos/ As palavras que brotam/ Você é a inspiração/ Minha motivação/ Queria falar dos sonhos/ Dizer os meus secretos desejos/ Que é largar tudo/ Para viver com você/ Este inconfesso desejo.' Carlos drummond de andrade

294 notes

Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje. Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício. Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo. Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus. Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar. O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma. Tudo depende só de mim.
Charles Chaplin.  (via rup-til)

(Source: reflorestada, via livrodesonhos)

0 notes

Palavras podem ser belas, mas são tão cheias de vazio. Prefiro os olhares. Esses não mentem. Afinal, são o espelho da alma.